Cerro-Corá

Informações

Equipe: Beatriz Fartes

Cerro-Corá, Vila Cândido e Guararapes ficam no bairro do Cosme Velho, na Zona Sul do Rio. O Cerro-Corá teve três momentos distintos de ocupação: em 1903, 1930 e nos anos 40. Alguns moradores afirmam que têm a escritura de seus lotes, localizados na área que denominam como "nobre", a primeira a ser ocupada. Já em 1930, as localidades próximas à atual Associação de Moradores começaram a ser habitadas. Na década seguinte, o terreno pertencente ao Ministério da Fazenda também foi ocupado. Antes conhecido como "Pau da Bandeira", o Cerro-Corá ganhou este nome somente em 1966, quando houve a inauguração da Associação de Moradores. Na altura das atuais Ruas Lourenço e Sampaio, no Cosme Velho, existiam casarões com dependências alugadas. Quem recolhia o aluguel era um senhor chamado Cândido, por isso, a favela é conhecida como Vila Cândido. A ocupação desta favela se deu nesta área por volta de 1917, mas sua expansão só ocorreu após a morte de Cândido, quando novas moradias foram erguidas. Guararapes começou a ser habitada também no início do século XX, mais precisamente em 1930, quando moradores de uma região chamada "Fazendinha" iniciaram a ocupação do local, com a permissão dos proprietários. A expansão da favela se deu até 1960 e culminou com a fundação da primeira Associação de Moradores no local. De 1966 a 1973 ocorreu a implantação da AMOG, uma nova Associação de Moradores, que se dedicou a buscar soluções para o problema da posse de terra. A situação foi resolvida através do sistema de reembolso e todos os associados puderam comprar suas terras.

Dados demográficos

População e Domicílios das Comunidades
Comunidade
População
Domicílios
Fonte: Instituto Pereira Passos, com base em IBGE, Censo Demográfico (2010)
Cerro-Corá708200
Guararapes673161
Vila Cândido1.424418
Total2.805779

TODO O CONTEÚDO DESTE WEBSITE ESTÁ LICENCIADO SOB A CC ATTRIBUTION 3.0 BRAZIL, EXCETO QUANDO ESPECIFICADO EM CONTRÁRIO E NOS CONTEÚDOS REPLICADOS DE OUTRAS FONTES.